submarino

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

'Rei do romance', Nicholas Sparks se separa da mulher.

O escritor confirmou ao site da revista 'People' que seu casamento de 25 anos chegou ao fim.
Após 25 anos de casamento com Cathy, o autor de romances açucarados (e trágicos)  acaba de perder aquela que chama de sua "musa inspiradora". Nicholas Sparks confirmou o fim de seu casamento ao site da revista People nesta terça-feira.
Isso mesmo! 
Preste ar lançar novo filme baseado em seus livros, O romance "A Escolha", que chegará aos cinemas em 4 de fevereiro de 2016, escritor de sucesso mundial ao publicar Um Amor para Recordar e Diário de uma Paixão, abordar o amor como unica força avassaladora,  Nicholas Saprks estar separada de sua família.
Aio site da revista People, ele disse o seguinte:
"Cathy e eu nos separamos. Essa não é, claro, uma decisão que tomamos sem refletir. Nós continuamos a ser amigos próximos com profundo respeito um pelo outro e amor por nossos filhos. Pelo bem dos nossos filhos, nós consideramos isso um assunto privado", afirmou em comunicado.
Sparks e Cathy se casaram em 1989 e são pais de três meninos: Miles, Ryan, Landon, e as gêmeas Lexie e Savannah, que emprestaram seus nomes aos principais persoinagens de seus livros.

Infelizmente, ao contrário dos seus livros – 19 livros publicados, nove deles adaptados para o cinema com grande sucesso -, a história de amor entre Nicholas e Cathy não teve um final feliz. Escritor de romances sobre o amor e a paixão, Sparks sempre recusou ser visto como um especialista dos assuntos do coração. “Não gosto de dar conselhos sobre o casamento. Há pessoas muito melhores do que eu, que duraram muito mais tempo. Provavelmente, eu é que poderia aprender algo com eles”, disse numa entrevista 2013.
Porém, mesmo com o fim, Sparks contou, em entrevista recente à revista GQ, que a história do ex-casal foi digna de livro.
"Conheci Cathy em uma segunda-feira e, na terça, pedi que ela se casasse comigo." Os dois, então, trocaram cartas apaixonadas entre março e maio. "No tempo em que ainda estávamos na faculdade, trocamos, não sei, uma centena de cartas? Cento e cinquenta?", completou ele. Sparks não parou por aí e se derreteu ao falar da mulher antes da crise que levou ao fim da relação. "Eu me casei com uma mulher que ama demais. Certamente, cada personagem feminina que eu já esbocei em meus livros tem muito da minha mulher. Elas são inteligentes, leais, engraçadas. E o mais importante: não são mulheres insossas mas, sim, mulheres boas, sólidas", finalizou.
E agora, o que eu faço?
Como acreditar no amor e na paixão, já quem fui aluno de Nicholas Sparks?
Perdi meu chão, minha inspiração.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...