submarino

quinta-feira, 20 de março de 2014

Percy Jackson e o Ladrão de Raios

The Lightning ThiefVocê deve ir para o oeste e enfrentar o deus que se tornou desleal
Você deve encontrar o que foi roubado e devolver em segurança
Você será traído por aquele que o chama de amigo
E no fim não conseguirá salvar aquilo que mais importa.
The Lightning Thief
 — O Oráculo, The Lightning Thief3
Percy Jackson e o Ladrão de Raios é a primeira aventura de Percy Jackson e seus amigo do Acampamento Meio-Sangue. Vendido em um leilão para a Miramax Books antes de ser lançado nos Estados Unidos no dia 28 de Julho de 2005. O livro vendeu mais de 1.2 milhões de cópias em quatro anos, aparecendo na lista dos mais vendidos do The New York Times e foi listado como um dos melhores livros para jovens.

.....................
Os deuses do Olimpo continuam vivos, em pleno século XXI!
Eles ainda se apaixonam por mortais e têm filhos que podem se tornar grandes heróis, mas que acabam, na maioria das vezes, encontrando destinos terríveis nas garras de monstros sem coração.
Apenas alguns descobrem sua identidade e conseguem chegar ao Acampamento Meio-Sangue, um acampamento de verão em Long Island dedicado ao treinamento de jovens semideuses.
Essa é a revelação que leva Percy Jackson a uma incrível busca para ajudar seu verdadeiro pai - o deus dos mares! -, a evitar uma guerra no Olimpo.
Com a ajuda do sátiro Grover Underwood e de Annabeth Chase, uma filha de Atena, Percy é encarregado de cruzar os Estados Unidos para capturar o ladrão que roubou a mais poderosa arma de destruição já concebida: o raio mestre de Zeus.
No caminho, eles enfrentam uma horda de inimigos mitológicos determinados a detê-los. Em meio aos perigos dessa jornada, Percy precisa confrontar um pai que ele não conhece e se precaver de uma cruel traição.
.............................

Ao visitar uma ao Museu para uma exibição de arte grega e romana, Percy Jackson é atacado por aquela que pensava ser apenas sua professora, Sra. Dodds, mas era, na verdade, uma Fúria disfarçada; ela o questiona sobre o raio.

Percy, que ainda não tem ideia de quem é, é salvo por seu professor de latim, Mr. Brunner, que aparece de repente, ao lado de seu melhor amigo: Grover Underwood. Depois que a Fúria vai embora, Brunner entrega a Percy uma espada disfarçada de caneta. Grover, que é revelado como um sátiro.
Percy é levado para um acampamento, ao lado da mãe de Percy, Sally Jackson que é impedida de entrar no local por ser totalmente humana. Eles são atacados pelo Minotauro. Percy consegue destruí-lo, mas, antes disso, sua mãe é capturada por ele e desaparece no ar. Depois da batalha, Percy desmaia e acorda três dias depois do ocorrido na enfermaria do acampamento.
Percy acorda pensando que tudo não passara de um sonho, mas Grover, que é seu "protetor", lhe revela que havia realmente acontecido, e ele acredita que sua mãe está morta. Enquanto é levado para um passeio para conhecer o acampamento, ele descobre que Brunner é, na verdade, o centauro Quíron, o diretor de atividades do acampamento. Ele também conhece Luke Castellan, filho do Deus Hermes, e Annabeth Chase, filha da Deusa Atena. Ai Percy Jackson descobre que se encontra em um acampamento de treinamento para semideuses, ou seja, ele é descendente de um deus.

Durante um jogo de capturar a bandeira, Percy percebe que tem o poder de curar seus machucados e tornar-se mais forte e habilidoso com a água. Nesse momento, é revelado a verdade. Percy Jackson é filho do deus do mar, Poseidon.
À noite, durante uma festa, Hades aparece e revela que Sally Jackson está viva e que ela é sua prisioneira, e propõe que ela seja trocada pelo raio mestre de Zeus. Percy decide, então, viajar com Grover e Annabeth para o Mundo Inferior, e eles recebem de Luke um tênis voador, que pertencia ao seu pai, um escudo, e um mapa para três pérolas de Perséfone que permitiriam que eles saíssem do Mundo Inferior.
Durante a procura pela primeira pérola, eles são atacados pela Medusa, mas conseguem decapitá-la e tirar a pérola de seu bracelete. Eles também levam sua cabeça, que mais tarde usam para transformar em pedra uma hidra durante a procura da segunda pérola, em uma estátua gigante de Atena na réplica do Parthenon, em Nashville, Tennessee.
Eles vão procurar a última pérola no Lotus Hotel e Casino, em Las Vegas, onde passam a ser enfeitiçados pelo lugar, que faz com que o tempo passe devagar e nunca se queira sair de lá. Poseidon os ajuda, alertando Percy mentalmente do perigo do lugar, e eles conseguem pegar a pérola em uma roleta e ir embora. Quando já estão fora do Lotus Hotel e Casino eles descobrem que ficaram lá durante cinco dias, ou seja, tem agora apenas 1 dia para chegarem ao Olimpo e devolverem o raio mestre de Zeus.

A réplica do Partenon foi utilizada durante cenas do filme.
Quando estão com as três pérolas, o mapa mostra a entrada do Mundo Inferior , próximo ao sinal de Hollywood. Os três entram no Mundo Inferior, onde Percy tenta convencer Hades que não roubou o raio mestre. Percy descobre então que o raio estava em seu escudo o tempo todo.
Logo Annabeth descobre que quem roubou o raio e o colocou no escudo de Percy foi Luke. Mas Hades não acredita neles. Hades consegue apoderar-se do raio, mas, com a ajuda de Perséfone, eles recuperam o raio e a mãe de Percy, logo podem partir, mas são obrigados a deixar um deles para trás, já que cada pérola transporta apenas uma pessoa, e eles são quatro. Grover decide que irá ficar, e os outros três vão rapidamente para o Olimpo, pois o prazo dado por Zeus estava acabando e uma guerra entre os deuses poderia começar.
Quanto eles já estão no topo do Empire State Building, eles são confrontados por Luke, que revela ser o verdadeiro ladrão do raio e a sua raiva dos deuses. Ele afirma que acreditava que os três não sairiam vivos do Mundo Inferior, e batalha com Percy. Depois de vencer a luta contra Luke, usando seus poderes com a água, Percy consegue chegar ao Olimpo pouco depois do fim do prazo, mas Zeus o escuta; ele conta toda a verdade sobre Luke e devolve o raio mestre. Percy pede então que Zeus resgate Grover do Mundo inferior, e o deus concorda. Poseidon conversa com Percy e explica que a razão para nunca ter estado presente: uma regra criada por Zeus que impede que os deuses tenham maior contato com seus filhos meio-humanos, e que foi criada por sua causa. Percy entende e abraça seu pai.
Depois disso ele retorna para o acampamento, chegando lá ele reencontra seu amigo Grover, que foi liberto do Mundo Inferior por Zeus. A cena final mostra Percy continuando seu treinamento no acampamento meio-sangue junto de Annabeth.

Carregado elementos míticos da mitologia grega, Percy Jackson e o Ladrão de Raios é "uma fantástica mistura de magia com a modernidade".
O livro foi um sucesso entre os adolescente que até atraiu a atenção do diretores de cinema de Hollywood. Assim chegou aos cinemas o filme de mesmo titulo, Percy Jackson e o Ladrão de Raios. Sobre o filme baseado o texto de Rick Riordan.

AGUARDEM...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...